17.01.2017 Artigos

EM QUAL PERFIL ENQUADRA-SE SUA STARTUP? Veja os 6 perfis.

Quem já iniciou a sua própria startup vai concordar com esta afirmação: Uma startup é um sonho, mas pode tornar-se um pesadelo ao mesmo tempo.

É um sonho porque, finalmente, você resolveu fazer o negócio do seu jeito, executando aquela grande ideia e fazendo acontecer. Você desejou tanto aquilo que o sonho começa a ganhar corpo, e agora você tem uma possibilidade concreta de fazer uma mudança no mundo (e talvez ganhar alguns milhões).

Mas, também é um pesadelo – porque tudo está sob sua responsabilidade. Você sente o peso do mundo sobre seus ombros e a responsabilidade de fazer acontecer. Obter financiamento, crescimento, recrutamento, branding, marketing são apenas alguns itens de uma lista de afazeres enorme. De repente você só tem 24 horas no dia, que parecem não ser suficientes. Quem nunca esteve nessa situação?

Por isso é importante detectar o perfil da sua Startup.Definir esse perfil vai ajudar você a focar e a seguir pelo caminho certo.

Se for um projeto inicial, você vai precisar preparar o sprint inicial para estruturá-la. Se já estiver em andamento,vai precisar  prepará-la para o crescimento.

Mas, antes mesmo de definir o perfil, é preciso entender “O que é uma startup”. Separei aqui uma definição bem objetiva e atual, de Yuri Gitahy, um especialista em Startup, que entendo ser a melhor descrição que li até hoje.

“Uma Startup é um grupo de pessoas à procura de um modelo de negócio repetível e escalável, trabalhando em condições de extrema incerteza.”

“Condições de extrema incerteza” parece uma expressão assustadora. Esta é uma questão importante para refletir, antes mesmo de iniciar algo. Responda, com sinceridade: Você está pronto para trabalhar em condições de extrema incerteza? Nos últimos tempos tenho feito muitas reuniões com empreendedores e participei com um estande no evento CASE 2016 realizado pela ABSTARTUP no mês de novembro no Anhembi. Látive a oportunidade de conversar com muitos empreendedores, investidores, com o sonho de fazer sua Startup acontecer. Porém, o que senti é que muitos não conhecem seu próprio perfil. A grande maioria tem muitas ideias,  pouca informação e quase nenhum foco na realização.

É esse cenário de que fala o especialista Yuri Gitahy. A incerteza diz respeito aos riscos por trás do negócio, se ele vai ou não dar certo. Esse aspecto também está na mira dos investidores. Todos querem saber se o negócio é sustentável. Se vai gerar lucro ou não. Se esse negócio vai crescer e tornar-se uma marca de sucesso como UBER, AIRBNB, 99TAXI, WAZE, entre outras que estão nos proporcionando experiências marcantes por ai.

Por esses e outros motivos, fui pesquisar mais sobre esse universo de Startup, com o objetivo de compreender melhor os perfis de Startup e encontrei mais alguns especialistas em startups, como o Steve Blank, que fez uma definição interessante.

 

Os 6 perfis de Startup:

 

1 | O Lifestyle Startup.

São empreendedores que vivem a vida que amam e trabalham apenas para eles mesmos, enquanto seguem suas paixões pessoais. Um ótimo exemplo são os surfistas e mergulhadores que possuem pequenos negócios focado em dar aulas para pagar suas contas enquanto desfrutam suas paixões.

2 | Pequenas empresas, geralmente de propriedade e gestão familiar.

Eles trabalham tão duro como qualquer empresário do Vale do Silício. Eles geram emprego, contratam funcionários locais ou familiares. A maioria não é tão rentável. Pois, o empreendedorismo de pequenas empresas, muitas vezes, não é projetado para ganhar escala: os proprietários querem possuir seu próprio negócio e “alimentar a família” … Mas em números absolutos, eles são infinitamente mais representativos do “empreendedorismo” do que os empreendedores de outras categorias – e suas empresas giram a economia local.

3 | Startup escalável, nascida para ser grande.

Os fundadores acreditam que a sua visão pode mudar o mundo.Muito diferente dos pequenos que buscam apenas “ganhar a vida”, eles almejam criar capital gerando uma recompensa de vários milhões.
Esse perfil de startup foi  projetado para que a empresa seja escalável. As startups escaláveis tendem a se agrupar em clusters de inovação (Silicon Valley, Xangai, Nova York, Boston, Israel, etc.). Eles compõem uma pequena porcentagem dos seis tipos de startups, mas por causa do grande retorno, atraem todo o capital de risco (e pressionam).

4 | Startups projetada para ser vendida rapidamente

Seu objetivo não é construir um negócio de bilhões de dólares. Elas foram criadas para serem vendidas a uma empresa maior e, nessa transação, atingir seu percentual de lucro. Uma solução consistente e uma marca forte podem trazer retornos surpreendentes.

5 | Grandes empresas iniciantes

Mudanças no perfil do consumidor, novas tecnologias e multiplataformas, hiper-conectividade, legislação, novos concorrentes, entre outros fatores, podem criar pressão para essas grandes empresas se reinventarem, propondo inovações mais disruptivas – exigindo que as grandes empresas criem produtos inteiramente novos vendidos a novos consumidores em novos mercados (Um exemplo, Google e Android).As empresas fazem isso por meio da aquisição de empresas inovadoras, ou ao tentar criar um produto internamente.

6 | Startups Sociais

Geralmente são alguma forma de fundação social… Ao contrário das startups escaláveis, seu objetivo não é ganhar participação de mercado ou gerar riqueza para os fundadores. Seu propósito é, na verdade, tornar o mundo um lugar melhor.

 

Blank menciona que existem muitas falhas de interpretação no perfil das startups e que o aumento na quantidade de fracassos envolve também o perfil cultural de cada país. No meu ponto de vista, não precisamos apenas d­­­e investimento para alavancar mais negócios; precisamos é de uma evolução na educação dos futuros empreendedores, gerando uma cultura única, um sistema mais consistente para que o empreendedor tenha um maior discernimento em suas escolhas e decisões. Entre elas, saber o perfil correto da sua startup, assim como as questões burocráticas, que envolvem o desafio de ingressar em uma empreitada como essa.

Você precisa de uma mão. Há tanto tempo procura alguém para ajudá-lo a economizar tempo e dinheiro, para aumentar suas chances de crescer com sucesso seu negócio. Especialmente para você, preparamos um Programa de Apoio a Startups. O GrowUP tem como objetivo orientar o empreendedor nessa jornada, proporcionando o suporte no sprint inicial e visando o crescimento da sua marca.

Você tem mais informações sobre esse assunto e gostaria de compartilhar? Não perca tempo e mande um e-mail para helio@newgrowing.com. Meu objetivo é reunir pessoas interessadas nesses assuntos para fomentar ainda mais conhecimento em prol do processo de aprendizagem através da colaboração. Juntos somos mais fortes.

VEJA TAMBÉM

EM QUAL PERFIL ENQUADRA-SE SUA STARTUP? Veja os 6 perfis.

Quem já iniciou a sua própria startup vai concordar com esta afirmação: Uma startup é um sonho, {...}

Branding ajuda empresas a se diferenciarem no mercado

Imagem, estratégia de mercado e posicionamento são algumas das questões cruciais na hora de definir a identidade {...}

Deixe seu comentário!